Feeds:
Posts
Comments

O Caroço

Há um caroço enorme em minha garganta.
reflete uma vontade que há muito eu não sentia.
corta pela metade minha respiração.
faz o coração experimentar taquicardia.

Eu não pedi pra descobrir tal condição
Mas implorei para que voltasse à revelia
inexoravelmente ele faz bem ao coração
é através dele que você invade o meu dia

Eu já tentei renomear por tantas vezes
Por outras muitas, já busquei por entendimento
Nunca tive! Fica somente, em você o pensamento
E a incerteza do que está por vir

A preocupação com o caroço é grande e existe.
O caroço, é o que você me faz sentir.

Distância

a pouca distância que nos separa
é a razao do meu tormento
e o que traz mais sofrimento
é porque o coração dispara

poder sentir o teu calor
escutar a sua respiração
me enche ainda mais de paixão
faz-me considerar o amor

milimetricamente eu vou sonhando
com o dia em que vou chegar
e com este sonho realizando

mais perto da sua boca eu vou estar
sentir sua respiração aumentando
me preparando pra enfim, te beijar.

Louco pra te pegar no colo,
E que seja logo, antes que a noite caia
e que não seja breve, um pôr do sol na praia

Ficando louco, ao tocar teu quadril
ao reviver um tempo em que se descobriu
um grande amor, em riviera maia

E vamos logo, antes que a noite caia
e assim eu perca essa oportunidade
de encontrar em ti, felicidade.

Antes que as ondas, molhem nossos pés
antes que eu sofra complementar viés
e que a despedida chegue, com a sobriedade

Que dessa loucura, haja alguma sapiência
que me invada e sobrepuja a paciência
que me falta, ao ver a sua beleza

E que ao final, a gente se aproxime
que o destino, seja o que nos anime
e que nos traga, o caminho mais certo.

robin

Ó capitão, porque o navio teve que afundar?
Qual a tormenta que te descontrolou?
Você é parte daquilo que me tornou
E isso nunca haverá de mudar!

Pensei que viveria por duzentos anos!
Carne, osso, borracha, metal, não importa!
O teu soldado sempre te abriu a porta
E a cada aventura, renovava os planos.

E eu que te vi como menino homem!
Enfrentaste um Capitão em mágica ilha
Se travestiu, para ficar com filho e filha.
E todos esses bons momentos que agora somem.

Pra quem sempre te viu, mesmo além da vida
Da quase eternidade já tinha certeza
Até dentro da guerra, encontraste beleza
A plateia que conquistaste, aplaude agradecida.

Ó capitão! Meu capitão! Permaneço teu soldado
Por mais que a decisão ingrata e egoísta
Tenha vindo no susto, sem ter dado alguma pista
Tenho fé que em passagem, te encontro do outro lado!

Objetivo

Errei muito nessa vida. E continuo errando, muito mais do que acertando.

No balanço geral ,por pouco me satisfaço.

Muito por doses cavalares de esperança e um pouco de ambição.

Assim sigo, mantendo meu maior desejo – muito embora os que me são mais importantes vivam me pedindo o contrário.

Assim a teimosia vai seguindo, mãos dadas com essa tal de esperança – me tolhendo novos rumos, novas conquistas.

Tudo isso, apenas por um único motivo, uma única fonte de dor e sonho.

Tudo isso por um único objetivo.

Como pode ser tão frágil
Uma guerreira de tantas batalhas
Como pode ser tão dócil
Herdeira de tantas palavras
como pode ser tão bela
E estar sempre desarmada?
Qual é o teu pequeno gigante segredo
Pra conquistar com um singelo sorriso
Quem quer que ouse cruzar—lhe o caminho.
Qual é o teu grande desejo
Aquele que nenhum de nós sabe
Aquele que apenas lhe cabe
E será soprado entre teus pensamentos
Aqui fica apenas um momento
Baseado em tua grande alegria
Por que jamais eu poderia
Esquecer de um sentimento.

Medo na alma

E ali ele ficou, extasiado.
Com o sentimento de que um caminhão lhe tivera passado por cima.
Mas a dor não era no corpo, não era muscular.
Era na alma.
E ele tinha certezas do porquê isso havia acontecido. Mas ele não queria pensar nas suas certezas. Pois essas certezas revelavam os seus profundos defeitos dos quais finalmente por algum momento ele havia escapado.
E a vida pela segunda vez lhe mostrava como trata quem merece coisas boas. Que o preço da felicidade é simples de encontrar, e que a receita está mais próxima do que ele jamais imaginou.
Isso trouxe a ele um medo maior que os medos que ele superara. Porque ao quebrar essa barreira por uma vez apenas, ele encontrou a felicidade. E a perdeu logo em seguida, deixando um vazio que aumenta a cada dia.
Deixou o coração vagar por aí, procurando, buscando, chegando a temer que a distância e o tempo transformem esse encontro em apenas uma vaga lembrança.
Hoje ele é um homem saudoso.
Hoje ele é um homem com medo.